14 de mai de 2013

Se for falar que não sabe o que falar…



Revoltada, indignada, chateada, tudo isso e mais alguma coisa é como eu me estou sentido neste momento. Poxa vida, tu vai lá com todo o agrado e só recebe respostas baratas ao menos se fosse da internet, pelo menos eu saberia que ele gastou algum na conta.
Na ta entendendo nada não é mesmo, vou explicar:
Sabe quando você acorda bem feliz, se sentindo a toda-poderosa, na maior auto-confiança, querendo se abrir com o mundo! – Pois é esse não é o meu caso – ai tu vai lá, chega no carinha que tu ta afim e extravasa, libera tudo, se joga nele, cai matando e … (silencio), ai a génio resolve perguntar, não vai falar nada fulano? … (outro silencio) e adivinha o que o senhor todo gostozão responde, “não sei o que falar”.
Aaaah, meu sangue ta subindo, ta fervendo a coisa ta ficando quente, palhaço, cachorro, eu aqui, fazendo papel de idiota, eu falando de mim, dos meus sentimentos, das minhas maiores vergonhas e tu responde que não sabe o que falar, não sabe o que falar pró ******.

Texto fictício inspirado em Rebecca Allarayna!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, espero que tenha gostado do post e volte mais vezes.
Mas atenção:
-Não vale insultar ou difamar o blog
-Não divulgue seu blog sem comentar algo antes
-Para falar de afiliações, entrevistas entre outros que não tenham haver com o post, procure meus contactos ou deixe um comentário no post sobre os contactos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...